O portal da revista britânica i-D divulgou uma matéria sobre o novo álbum de Troye Sivan. Confira abaixo o resumo com as principais informações:

***

O álbum está 98% pronto. Não sabemos o quanto numericamente isso está correto, mas foi o que o cantor pop de 22 anos nos prometeu quando conversamos comendo uma sopa de missô recentemente em seu quarto de hotel em Londres.

Enquanto a maioria das músicas sucessoras do seu ótimo e aclamado álbum Blue Neighbourhood ainda estão sob sigilo, nós perguntamos a ele sobre algumas coisas que ele está animado em compartilhar com seus fãs. Uma delas, ele diz, é uma música chamada Animal, a qual ele descreve como “uma canção de amor de 5 minutos dos anos 80, que faz todos cantarem.” Convenceu.

“Uma música pop perfeita tem 3:30 de duração, mas eu quis escapar disso”, ele diz. “Então começamos no piano e tínhamos essa letra: “I want you all to myself / Don’t leave none for nobody else / I am an animal with you (Eu quero todo você para mim / Não deixe nada pra outro ninguém / Eu sou um animal com você)”, e começamos a expandir, lentamente mas adicionando pequenas peças para transformá-la nessa épica declaração de amor.”

Mas com todo seu amor de hinário pop, o verso favorito de Troye em seu novo álbum vem de uma música sobre seu namorado e um cartão postal perdido. “Uma vez eu escrevi um cartão postal de Tokyo para meu namorado. Ele é a pessoa mais distraída do mundo e eu o amo por isso!” Troye explica, detalhando cada pedaço do ocorrido, incluindo que ele trabalhou bem perto com a artista australiana de electrofolk Gordi para contar musicalmente a história. “Ele não pegou na porta de casa então teve que ir na agência de correio. Quatro ou cinco dias se passaram e ele finalmente foi pegar, mas naquele ponto a agência já tinha perdido o cartão. Eu achei chato. Foi um dos primeiros momentos em que você percebe que seu parceiro não é perfeito.”

Então, qual é o verso em questão que Troye tanto ama? “Ele começa assim: ‘I sent you a postcard from Tokyo baby, you never picked it up (Eu te mandei um cartão postal de Tokyo amor, você nunca foi pegar)’. No começo a música parece ser bem brava, mas ela se transforma em uma música sobre como há mais em um relacionamento do que coisas como essa, e como se pode superá-las – ignorando as pequenas imperfeições de seu parceiro e curtindo as coisas boas no lugar.”

O som que Troye quer exatamente em seu próximo álbum ainda não foi definido, então ele não pode confirmar se a música do cartão postal entrará no CD. Mas no momento ele está a curtindo bastante. “É uma música muito estranha que parece ter saído do coração,” ele sorri. “Como um sentimento doce!”

***

A matéria original, em Inglês, pode ser conferida aqui.